Biossegurança

PREVENÇÃO DE INFECÇÃO CRUZADA EM ODONTOLOGIA

 A prevenção da infecção cruzada é feita pelo emprego dos processos de esterilização e de todos os procedimentos destinados a manter a cadeia asséptica. O uso de procedimentos efetivos de controle de infecção e as precauções-padrão no consultório odontológico e laboratórios relacionados, previnem a infecção cruzada. Tais procedimentos são realizados em relação ao pessoal odontológico, aos instrumentos e aos acessórios, como também, ao equipamento e ao paciente.

Protocolos de biossegurança são aplicados na nossa  prática odontológica diariamente mostrando a preocupação em manter um ambiente onde a Biossegurança seja uma realidade. É indiscutível a necessidade de zelar pela própria saúde e pela saúde dos pacientes, e a cada momento esta preocupação se torna uma questão significativa na promoção e manutenção da qualidade de vida.

especialistas.fw
dentistadobem (1)   clear-aligner-small